ABAS

sábado, 10 de junho de 2017

História da Expressão “Quinto dos Infernos”

Quinto dos Infernos
 expressão “Quinto dos Infernos” tem a ver com o “quinto”, imposto odiado na época do Brasil Colônia.

Até o fim do século XVIII, o Ciclo do Ouro no Brasil desencadeou uma verdadeira corrida em busca do enriquecimento. Portugueses e brasileiros de todas as partes se moveram para as novas e promissoras regiões atrás de pedras preciosas.
Entretanto, logicamente a Coroa Portuguesa logo estabeleceu pesados impostos para lucrar com a atividade aurífera gerada: todo o ouro encontrado passou a ser encaminhado para as Casas de Fundição, derretido e transformado em barras, nas quais havia o selo da Coroa (uma espécie de autorização). Nesse processo já era cobrado um imposto: o “quinto”, o qual nada mais era do que a cobrança da quinta parte de todo o ouro encontrado.
Acontece que tal tributo era tão odiado pelos donos das minas auríferas, que passaram a chamá-lo de “o quinto dos infernos”, expressão que até hoje usamos bastante quando estamos possessos de raiva. De fato, a tributação excessiva de Portugal inclusive foi um dos motivos para a eclosão da Inconfidência Mineira em 1789.

Nenhum comentário: