ABAS

quinta-feira, 16 de março de 2017

Prefeita cearense é a primeira no estado a honrar piso do salário dos professores


A Prefeita de Capistrano-CE, a Professora de Carreira Inês Oliveira (PSDB) foi a primeira gestora cearense a acatar do Ministério da Educação o piso do salário dos professores, que era de R$ 2.135,64 para 40 horas semanais e passou para R$ 2.298,80. O aumento foi de 7,64% e já começou a valer em Janeiro de 2017. O índice foi maior do que a inflação de 2016, fechada em 6,29%.
Mesmo em tempos de queda de arrecadação de impostos e dificuldade para honrar pagamentos, Prefeita cearense é a primeira no estado a honrar piso do salário dos professores.
Em tempos de queda de arrecadação de impostos e dificuldade para honrar pagamentos, inúmeras prefeituras enfrentam o desafio de pagar o novo piso do magistério.
O reajuste teve impacto superior a R$ 5 bilhões nas contas das cidades brasileiras, de acordo com a Confederação Nacional dos Municípios (CNM).
Em 2016 os professores da rede de ensino municipal de Capistrano/CE, declararam uma greve inédia na cidade e travaram uma grande luta junto a então administração, pedindo a regularização/reajuste do piso salarial da classe de 11,36%, com retroativo a 1º de janeiro de 2016. Depois de muita luta a gestão parcelou o reajuste.


Nenhum comentário: