ABAS

quinta-feira, 17 de novembro de 2016

Sérgio da Rocha, cardeal brasileiro

Por Padre GeovaneSaraiva*
Dom Sérgio da Rocha (futuro Cardeal) e Padre Geovane Saraiva (autor do presente artigo)

O Ano Jubilar da Misericórdia foi inaugurado na festa da Imaculada Conceição de Maria, (8/12/2015), e tem conclusão no dia 20 de novembro de 2016, solenidade de Cristo Rei do Universo. Na véspera da inaudito término do referido Ano Santo, a Basílica de São Pedro cede lugar ao Consistório de 19 de novembro de 2016 para a nomeação de 17 novos cardeais, membros ilustres do clero de todo o planeta, dentre os quais o nosso querido Dom Sérgio da Rocha, Arcebispo de Brasília, que foi  bispo auxiliar de Fortaleza, de 2001 a 2007.
Que o término do Jubileu da Misericórdia, precedido do referido Consistório, ajude-nos a pensar não só nas construções dos antigos templos, tendo a pedra angular como fundamento, a primeira a ser assentada na esquina do edifício, formando um ângulo reto entre duas paredes, servindo para definir a colocação das demais pedras e alinhar toda a construção. Mas que não deixe dúvida de que o edifício, ao qual nos referimos por analogia, é Jesus Cristo, que, compreendido aos olhos da fé e ao rigor da razão, é a pedra angular, aquela que os pedreiros rejeitaram, a que, por inúmeras vezes, o Livro Sagrado se refere.
A partir da feliz iniciativa acima é que Deus sempre mais derrama sobre os seus eleitos a graça da perseverança, na seguinte assertiva do Papa Francisco (13/11/2016): “Construir um mundo melhor, apesar das dificuldades e dos acontecimentos tristes que marcam a existência pessoal e coletiva”, na certeza de que Deus jamais abandona seu povo. Dom Sérgio da Rocha, por bondade do Papa Francisco, sem esquecer os méritos de sua salutar ação pastoral, passa a ser Cardeal da Igreja, com a missão de mais de perto auxiliar o Santo Padre no governo da Igreja. A Dom Sérgio as melhores bênçãos!
*Pároco de Santo Afonso, Parquelândia, Fortaleza-CE

Nenhum comentário: