ABAS

domingo, 13 de março de 2016

Maria Sharapova - Uma atleta extraordinária, que certamente superará esse doping




"Querem misturar desporto e política. Não há investigações que confirmem que o Meldonium é uma substância dopante", diz o cientista

O cientista letão Ivar Kalvinsh assegurou hoje que "dois milhões de pessoas consomem regularmente" a substância Meldonium, de que foi inventor, incluída pela Agência Mundial Antidopagem (AMA) na lista de produtos proibidos.

"Recomendo-a a todos. Eu também a tomo quando me sinto cansado. Tomo-a durante 10 dias e fico como novo", assinalou Kalvinsh, de 68 anos, em declarações à Efe. Kalvinsh manifestou-se "indignado" com a decisão da AMA de proibir a substância Meldonium, sem consultar o seu criador ou apresentar análises clínicas que confirmem que melhora o rendimento dos atletas profissionais.

"É inadmissível que consideram dopante um fármaco que está no mercado há 32 anos", protestou, acrescentando que o Meldonium "é único" e que os países ocidentais "decidiram por isso proibi-lo". Para Ivar Kalvinsh, "há muita política" na decisão de proibir o uso da substância.


Maria Sharapova em Hollywood numa foto de arquivo


Nenhum comentário: