ABAS

terça-feira, 1 de março de 2016

Couve-manteiga emagrece, extermina gordura e previne anemia e câncer

Comer couve-manteiga é uma atitude importante para a dieta, já que as folhagens emagrecem e exterminam as gordurinhas localizadas. Além disso, o alimento é um aliado da saúde por ser rico em nutrientes essenciais que afastam doenças graves como anemia e câncer.


Couve emagrece

Ter fibras, antioxidantes e baixo teor calórico são as qualidades que trazem osbenefícios da couve para a dieta. Segundo a nutricionista Jennifer Partika, é por conta disso que ela promove saciedade, evita a fome, ajuda o intestino a funcionar bem e promove uma limpeza detox no corpo para ajudar a eliminação e evitar o acúmulo de gordura. “Por isso é muito utilizada em dietas para redução de peso”, comenta a especialista credenciada do Hospital Santa Cruz, de Curitiba (PR).

Alimento contra doenças

As vitaminas E, K e C e os minerais cálcio, magnésio, fósforo, selênio e ferro, presentes na couve-manteiga, fazem com que esse vegetal se torne uma importante arma contra doenças.
“Estudos comprovam que a ingestão destes vegetais pode auxiliar na prevenção de doenças como o câncer, crônico-degenerativas, auxiliar no trânsito intestinal, no bom humor e no combate a úlceras gástricas e anemia. Além de possuir antioxidantes, que são responsáveis por combaterem os radicais livres que estão associados ao envelhecimento precoce da pele”.

Como consumir

Ainda de acordo com a nutricionista, a couve-manteiga tem também a vantagem de ser fácil de preparar e poder ser utilizada de várias maneiras: crua, cozida , em sucos ou outras receitas. Ela pode ser consumida diariamente para emagrecer, apenas cuidando para não exagerar - em grande quantidade pode causar flatulência. Porém, para consumir todos os benefícios desse alimento, é essencial tomar cuidado com as altas temperaturas na hora do preparo.
“Alguns de seus nutrientes são muito sensíveis ao calor, portanto, não são recomendadas técnicas de cocção com aplicação de calor prolongado”, ensina a profissional, ao indicar que é preciso dar preferência às couves frescas ao invés das congeladas.

Nenhum comentário: