ABAS

sexta-feira, 15 de maio de 2015

Quando os chefes do Executivo municipal e estadual irão entender a pasta de Saúde como prioridade? Esse foi o questionamento lançado pelo vereador João Alfredo (PSOL) ao tratar, na manhã de quinta-feira, 14, da situação de calamidade da rede pública de atendimento. Nos últimos dias, os jornais locais e nacionais mostraram que no maior hospital de urgência e emergência do Ceará, o Instituto Dr. José Frota (IJF), pacientes são atendidos no chão por falta de macas. Na tribuna da Câmara Municipal de Fortaleza, João Alfredo anunciou que a Comissão de Direitos Humanos, da qual é vice-presidente, realizará visitas conjuntas com a Comissão de Saúde aos hospitais e postos de saúde do município. “Saúde nunca foi prioridade para essas gestões. Vamos lembrar que, para a Copa do Mundo, juntou-se o prefeito Roberto Cláudio, o então governador e os secretários para discutir a infraestrutura do evento. Copa era a prioridade. Agora, quantas vezes eles se reuniram para tratar da Saúde?”, enfatizou o vereador do PSOL na tribuna da Câmara Municipal de Fortaleza.

Nenhum comentário: