ABAS

quarta-feira, 1 de abril de 2015

Esteve hoje no nosso gabinete o comerciante Francisco Luis, que há dois anos espera na fila do HGF por uma prótese de joelho. Ele não consegue fazer a cirurgia porque o estado alega que não tem dinheiro. Como o senhor Francisco Luis, existem mais seis mil cearenses na mesma situação. Um estado que tem recursos para construir o Acquario no valor de R$ 300 milhões, para manter uma mansão luxuosa em Brasília como sede oficial do Governo que já custou mais de R$ 5 milhões aos cofres públicos, dentre tantas outras obras faraônicas, não pode alegar que não tem dinheiro para cuidar do bem-estar de seus cidadãos.(Palavras do Deputado Estadual Heitor Férrer)

Nenhum comentário: