ABAS

segunda-feira, 27 de abril de 2015

É inadmissível o que está acontecendo no Ceará. O cearense está morrendo a míngua sob as garras da incompetência dos gestores públicos. A saúde pública no Ceará está um verdadeiro campo de concentração. O Hospital Regional do Sertão Central consumiu milhões de reais dos cearenses e por enquanto não passa de um grande elefante branco. Da capital ao interior as pessoas clamam por socorro nos corredores hospitalares. O governador Camilo Santana que ainda não mostrou a que veio precisa prontamente tomar uma atitude. Temos bons profissionais e até uma certa estrutura mas falta gestão para resolver o caos na saúde pública. Ou o povo vai para cima dos desgovernantes ou os desgovernantes continuarão em cima do povo.



Nenhum comentário: