ABAS

quarta-feira, 1 de outubro de 2014

O POVÃO SENDO JOGADO ÀS PIRANHAS - .Militantes entram em confronto; uma militante do candidato Eunício foi socorrida ao Instituto Dr. José Frota (IJF) e precisou levar cinco pontos na testa.


Militantes dos candidatos ao governo do Estado, Camilo Santana (PT) e Eunício Oliveira (PMDB), entraram em confronto na noite desta terça-feira, 30, minutos antes de iniciar o último debate do primeiro turno realizado pela TV Verdes Mares, no bairro Dionísio Torres.

O confronto pré-debate, segundo a versão do militante do Eunício, Gilberto Garcia, iniciou por conta de uma pedra que teria sido jogada pela militância do Camilo. Na confusão, pessoas foram pisadas, pedras e garrafas arremessadas. Segundo Gilberto, a Polícia teria intervido com bombas de efeito moral. Quando a reportagem chegou ao local, não havia nenhum militante do candidato do PT.
O capitão Claudomiro, do 8° Batalhão de Polícia, informou no entanto que os policiais não fizeram o uso de armas não letais. Segundo ele, a tentativa foi de resolver o confronto na base do diálogo. 
Uma militante da campanha petista foi atendida pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) com problemas respiratórios após ter inalado gás de pimenta. De acordo com o Técnico em Enfermagem Carlos André, a mulher foi atendida e em seguida liberada após assinar termo de compromisso. Duas pessoas da militância peemedebista ficaram feridas e um homem desmaiou. Uma militante do candidato Eunício foi socorrida ao Instituto Dr. José Frota (IJF) e precisou levar cinco pontos na testa.
O Batalhão de Choque fez um cerco na entrada da emissora para garantir a segurança da chegada dos candidatos. Conforme O POVO apurou, os militantes do petista se retiraram do local após o confronto. Após a entrada de todos os candidatos ao local do debate, os policiais desfizeram o cerco.
O POVO

Nenhum comentário: