ABAS

sexta-feira, 23 de maio de 2014

Ministério Público Federal cria banco de dados sobre fichas sujas do país



O Ministério Público Federal (MPF) lançou uma ferramenta com um banco de dados nacional com informações de pessoas físicas potencialmente inelegíveis, com base na Lei da Ficha Limpa. De acordo com informações da Procuradoria-Geral da República, o SisConta Eleitoral vai subsidiar o trabalho dos membros do Ministério Público na área eleitoral. Com o novo módulo será possível unificar e processar dados de pessoas condenadas com base em informações de mais de 30 órgãos ligados à administração pública.
Segundo o gestor do projeto, o procurador da República Daniel de Resende Salgado, serão incluídos no cadastro dados referentes a condenações a partir de 2006. Segundo Salgado, o SisConta auxiliará a conferir mais eficácia à aplicação da Lei da Ficha Limpa. O sistema faz o cotejo entre a lista de condenados e o Sistema de Candidaturas do Tribunal Superior Eleitoral.
O módulo Ficha Suja do Sisconta Eleitoral já recebeu mais de 11 mil dados de potenciais inelegíveis. A expectativa é que até 19 de maio, órgãos de todo o país atualizem o sistema com informações referentes às pessoas físicas potencialmente inelegíveis.
Com informações do Portal paraiba.com.br

Nenhum comentário: