ABAS

quinta-feira, 20 de março de 2014

Escândalo da gasolina em Município cearense; “amantes” de vereadores também abasteciam veículos e ainda pediam troco

Imagem ilustrativa
O Ministério Público descobriu após denúncias da população que os vereadores do município de Novas Russas abasteciam seus veículos com dinheiro público e o dos familiares. Entrou com representação no Tribunal de Contas dos Municípios com uma representação.
O caso caiu nas mãos do rigoroso e sério conselheiro do TCM, Ernesto Saboya que mandou apurar o caso. Saboya descobriu que as mulheres dos vereadores abasteciam seus carrões particulares no posto credenciado pelos vereadores para pagar com o dinheiro da VDP. Mandou suspender o repasse da Verba para combustível.
Não eram apenas as esposas, mas as namoradas dos vereadores de Nova Russas também abasteciam seus carros com dinheiro da VDP da Câmara de Vereadores, segundo denúncias em poder do Ministério Público.
Segundo o relatório do Ministério Público de Missão Velha que apura o caso, cada “esposa” de vereador tinha direito a R$ 640 por carro por mês. Ao final do mês quando não gastavam todo o valor, pediam o “troco”, em dinheiro, de acordo com o dono do posto de combustível.
A roubalheira significou um rombo de cerca de R$ 1,5 milhão no ano de 2013 aos cofres da Câmara Municipal. Isso significa, por exemplo, o dobro da arrecadação de impostos da cidade de Nova Russas, que foi de R$ 800 mil no mesmo ano. O Ministério Público vai pedir a cassação de todos os vereadores e o ressarcimento do dinheiro. Nova Russas possui cerca de 30 mil habitantes e é uma das cidades mais pobres do Ceará.
As informações foram retiradas do Blog do Roberto Moreira

Nenhum comentário: