ABAS

sexta-feira, 28 de fevereiro de 2014

Prefeito que pintou a cidade de vermelho, é investigado


O Ministério Público Estadual abriu um inquérito para investigar possíveis irregularidades na conduta do prefeito de Barrinha (337 km de São Paulo), Mituo Takahashi, que pintou diversos prédios e espaços públicos da cidade de vermelho –a cor do seu partido, o PT.
Segundo a Promotoria, com a atitude, o prefeito violou o artigo 37 da Constituição, que diz: “A administração pública obedecerá os princípios da legalidade, impessoalidade, moralidade, publicidade e eficiência”.
Se o inquérito se transformar numa eventual ação civil pública, que pode ser proposta após a conclusão da investigação, o prefeito pode ser condenado por improbidade administrativa.
As punições vão de aplicação de multa e devolução de dinheiro até a perda dos direitos políticos.
Reportagem publicada pela Folha em 27 de janeiro mostrou que o prefeito pintou diversos equipamentos públicos de vermelho.

Nenhum comentário: