ABAS

segunda-feira, 27 de janeiro de 2014

"Deixa passar a revolta popular"

                
Ou as Polícias Militares dos mais variados Estados brasileiros não possuem o menor preparo para lidar com as manifestações das massas populares ou agem premeditadamente e opressivamente sempre no sentido de atacar contra o direito sagrado de manifestação.

            
               Nas manifestações contra os gastos exorbitantes em face da Copa do Mundo no último dia 25 a truculência da polícia foi mais uma vez brutal e desumana. Em São Paulo um jovem ativista levou três tiros à queima roupa e encontra-se internado em estado grave. Manifestantes acamparam em frente ao hospital em solidariedade ao jovem lutador. Aqui em Fortaleza todo o aparato policial também foi mobilizado para intimidar e oprimir os manifestantes que percorreram parte da beira mar também no sentido de protestar contra a farra com o dinheiro público dentre outras bandeiras.

Nenhum comentário: