ABAS

segunda-feira, 18 de novembro de 2013

VERGONHA NACIONAL: Três em cada quatro gestores públicos não são escolhidos por mérito


Conclusão é do Tribunal de Contas da União. Apenas 7% dos órgãos receberam notas altas de gestão...
De cada quatro órgãos públicos na área federal, três não escolhem seus gestores por processo formal baseado em competência. E apenas dois órgãos de cada quatro estipulam metas de desempenho individual ou de suas equipes.

É o que revela auditoria do Tribunal de Contas da União (TCU) feita em 303 órgãos federais, envolvendo mais de 80% dos servidores públicos da União.

Questionário de 101 perguntas, dividido em oito temas, foi encaminhado aos gestores de cada organização. Vinte e cinco órgãos não responderam. Entre os questionamentos, perguntas sobre critérios de escolha de chefes pelo mérito, se havia metas de desempenho, como era o processo sucessório ou se os trabalhadores recebem algum tipo de treinamento.

As respostas dadas pelos gestores para cada pergunta viraram notas de 0 a 10 para cada item. Depois, uma nota geral foi dada para cada organização. Apenas 7% dos órgãos estão no nível avançado, com nota acima de 7. No nível intermediário foram encontrados 37% dos órgãos e os 56% restantes receberam notas abaixo de 4.

Os nomes dos órgãos pesquisados não será divulgado pelo TCU. Mas os gestores vão receber um relatório com sua avaliação.
O POVO

Nenhum comentário: