ABAS

sexta-feira, 22 de novembro de 2013

LICITAÇÕES - Oposição quer que MP investigue declarações de Cid à Veja


Reprodução da Revista Veja
O presidente estadual do PSB, Sérgio Novais, e o ex-prefeito de Maracanaú Roberto Pessoa (PR) querem que o Ministério Público (MP) investigue declarações do governador Cid Gomes (Pros) à Veja, em entrevista publicada na edição desta semana. Cid disse que “todo mundo quer tirar dinheiro do Estado”, mencionando – sem citá-las nominalmente – “quatro ou cinco construtoras grandes” que, segundo ele, fazem acertos para participar de licitações no Brasil.

Novais e Pessoa, unidos em uma frente de oposição a Cid, querem que o governador dê detalhes sobre as denúncias. Eles protocolaram representação nos MPs estadual em Federal – neste último, o caso já foi distribuído pelo procurador-geral, Alessander Sales.

O responsável por avaliar o assunto terá autonomia para decidir com a investigação. Questionado sobre a pertinência da solicitação dos adversários de Cid, o chefe do MPF preferiu não emitir opinião. Na entrevista, o governador cita supostas práticas de construtoras em duas grandes obras no Ceará: o Cinturão das Águas e a linha leste do Metrofor. Ao citar o Cinturão, disse que “todas as grandes construtoras queixaram-se de que o preço estava baixo e fizeram boicote para que não aparecessem interessados e a licitação fosse anulada. Queriam forçar o governo a elevar os preços”, afirmou.

Em outro trecho da entrevista, o governador afirma que “o projetista se junta com a construtora para acertar sobrepreços. O concreto é superestimado, o asfalto é superestimado”. Para Novais e Pessoas, os fatos configuram crime. “Requeremos a apuração dos fatos, a fim de que as pessoas eventualmente envolvidas nos ilícitos narrados sejam responsabilizados cível e criminalmente”, afirmam.
INFORMAÇÃO DO JORNAL O POVO

Nenhum comentário: