ABAS

segunda-feira, 25 de novembro de 2013

A principal manchete do jornal Diário do Nordeste desta segunda-feira revela que a cada duas horas uma pessoa é assassinada na capital cearense. Infelizmente, esta trágica e cruel realidade não é novidade para o cidadão. Segurança pública no Estado do Ceará praticamente só existe teoricamente, pois na prática nós cidadãos estamos entregues ao deus- dará. Do que vale, por exemplo, termos uma praia belíssima para usufruirmos se não estaremos seguros quando estivermos aproveitando? Nos últimos anos o governo do Estado do Ceará apresentou indicadores incríveis no que concerne ao desenvolvimento da educação. Mas que evolução educacional é essa que não combate os efeitos da violência em nosso Estado? Algo está muito errado, todos os países que evoluíram educacionalmente, também diminuíram drasticamente os casos de violência. É claro que este caos não é uma particularidade somente do Ceará, mas de todo território nacional


Nenhum comentário: