ABAS

segunda-feira, 30 de setembro de 2013

Luizianne terá encontro com PSB e PT

luizianne lins
“Na semana decisiva para filiação de políticos que disputarão eleição em 2014, deve ser definido também futuro da ex-prefeita de Fortaleza, Luizianne Lins(PT). Convidada pelo PSB do Ceará para disputar o Governo do Estado pelo partido, a petista se reúne hoje com o provável candidato da legenda à Presidência, Eduardo Campos, em São Paulo. No mesmo dia, Luizianne deve se encontrar ainda com o presidente nacional do PT, Rui Falcão, para discutir sua permanência no partido.
O encontro entre Luizianne e Campos foi confirmado pelo ex-presidente do PSB no Ceará, Sérgio Novais. Segundo ele, a reunião ocorrerá em São Paulo e contará ainda com a presença de Márcio França, presidente do PSB paulista. “Vamos saber como está a situação dela no PT e reforçar o convite para que ela venha para o PSB. Na última vez que nos falamos, foi articulada reunião e ela ficou de dar posição final”, diz Novais.
Já petistas próximos a Luizianne – que acreditam que ela não virá a deixar o partido – afirmam que a ex-prefeita tem reunião marcada com Rui Falcão, na segunda-feira ou na terça-feira, para tratar sobre sua permanência no PT. “Talvez o pessoal do Campos soube que ela estaria fora de Fortaleza e resolveu marcar um encontro também”, avalia Elmano de Freitas (PT), que disputou a sucessão de Luizianne com o apoio da petista.
Isolada
Com a saída de Cid e Ciro Gomes do PSB na última semana para apoiar a reeleição de Dilma Rousseff (PT), o grupo político dos Ferreira Gomes se aproximou do Planalto e da ala hegemônica do PT cearense, liderada por José Guimarães. A movimentação acabou isolando o grupo de Luizianne, único contrário à manutenção da aliança entre petistas e cidistas, no partido.
Sem apoio no PT do Ceará para articular candidatura própria de seu grupo político ao Governo do Estado, Luizianne chegou a admitir deixar o partido. A reunião com Rui Falcão seria, apontam aliados da ex-prefeita, uma forma de garantir sua permanência no PT. No último domingo, a coluna Felipe Patury, da revista Época, afirmou que Luizianne terá vaga majoritária que couber ao PT no Estado – Governo ou Senado. A informação foi negada por José Guimarães. “Isso é tudo fofoca”.”
(O POVO)

Nenhum comentário: