ABAS

segunda-feira, 2 de setembro de 2013

Dias após o encontro de Lula com um dos donos das Organizações Globo vejam só a surpresinha para o ex-presidente: o Globo noticiou que verba de campanha teria pagado contas de Lula


Freud Godoy e Lula na Granja do Torto no fim de 2002
Imagem do Portal HTTP://ABOBADO.WORDPRESS.COM


PT omitiu repasse a ex-segurança de Lula

Na prestação de contas de 2003 apresentada ao Tribunal Superior Eleitoral, o PT omitiu repasses de dinheiro à empresa Copes, de Freud Godoy. ex-segurança do ex-presidente Lula. Marcos Valério, operador do mensalão, disse ao MP que a verba pagava contas pessoais de Lula

PT omitiu outros repasses de Valério a Freud

O cheque de R$ 98,5 mil não foi o único repasse feito com a ajuda de Marcos Valério a Freud Godoy, ex-segurança do ex-presidente Lula, em 2003. Pelo menos outros R$ 39,3 mil, que tiveram como origem o empréstimo do banco BMG ao PT, foram depositados na conta da Copes Serviços de Vigilância, empresa de Freud Godoy, numa agência do banco Santander em São Bernardo do Campo (SP). O repasse consta de laudo da Polícia Federal e foi omitido pelo PT na prestação de contas de 2003 apresentada ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE).
Na prestação de contas entregue à Justiça, constam 19 pagamentos que somam R$ 238.709,50 a outras duas empresas de Freud, a Caso Comércio Ltda e a Caso Sistemas de Segurança Ltda. No entanto, os repasses feitos à Copes, terceira empresa do ex-segurança de Lula, não foram declarados pelo partido. Em depoimento à Procuradoria Geral da República, em setembro do ano passado, Marcos Valério, operador do esquema do mensalão, atribuiu a Freud o papel de intermediar o recebimento de valores que tinham como objetivo pagar contas pessoais de Lula. O ex-presidente e o ex-segurança negam esta versão.


Com informações do Portal O Globo e Congresso em Foco

Nenhum comentário: