ABAS

quarta-feira, 30 de janeiro de 2013

Gasolina pode chegar a R$ 2,95 no Ceará, diz Sindipostos

O reajuste foi definido levando em consideração a política de preços da companhia de buscar alinhar os preços dos derivados aos vigentes no mercado internacional

A Petrobras anunciou na noite desta terça-feira (29) aumento de 6,6% no preço da gasolina comum (Gasolina A) e 5,4% no preço do óleo diesel nas refinarias da companhia em todo o país a partir da meia-noite de quarta-feira (30).
Aumento do preço de combustível é anunciado pela Petrobras (Foto: Divulgação)


Conforme anunciado no fim do ano passado, o preço da gasolina comum (Gasolina A) e do óleo diesel aumentaram, nesta quarta-feira (30), em todo o Brasil. O aumento é de 6,6% no preço da gasolina e 5,4% no do óleo diesel nas refinarias da companhia em todo o país, de acordo com a Petrobras.
No Ceará, o preço da gasolina pode chegar a R$ 2,95, já o do óleo diesel deve ficar entre R$ 2,30 e R$ 2,35, é o que espera o Sindicato dos Revendedores de Combustíveis do Ceará (Sindipostos).
“A gente não sabe o valor exato, mas a expectativa é até R$ 2,95 e R$ 2,35, para a gasolina e o diesel, respectivamente”, explica o assessor econômico do sindicato, Antônio José da Costa. “Mas esse reajuste ainda não foi transferido às bombas de muitos postos, porque ainda há estoque”, tranquiliza.
Motivo do aumento
Segundo a Petrobras, o reajuste foi definido levando em consideração a política de preços da companhia de buscar alinhar os preços dos derivados aos vigentes no mercado internacional. Conforme nota da estatal, os preços da gasolina e do diesel, sobre os quais incide o reajuste, não incluem os tributos federais como a Contribuição de Intervenção do Domínio Econômico (Cide) e PIS/Cofins e o tributo estadual ICMS.
Reajuste anunciado
O último reajuste para a gasolina ocorreu em 25 de junho do ano passado, quando o tipo comum do produto subiu 7,83% nas refinarias. Na ocasião, o óleo diesel foi reajustado em 3,94%, também sem a incidência dos tributos federais e estadual.
Naquela ocasião, no entanto, o aumento não chegou ao bolso do consumidor final, uma vez que o governo, para manter a inflação sobre controle, zerou a alíquota da Cide.
No caso do óleo diesel, no entanto, a Petrobras voltou a anunciar um novo aumento de 6%, que passou a vigorar no dia 16 de julho de 2012, nas refinarias da estatal.
Com informações da Agência Brasil
JANGADEIRO ONLINE

Nenhum comentário: